quinta-feira, dezembro 20, 2012

Felicidade

E eu queria te dizer, então, que vai dar tudo certo. Vai mesmo. Pode não ser agora, pode ser para quando você quiser. É só preciso ter paciência e não perder a ternura. Mesmo quando se está enterrado até os joelhos numa vida que não te satisfaz, ainda que a única perspectiva que reste seja seguir seguindo sem saber onde vai dar.

Digo isso porque nunca ninguém disse isso para mim. Era desses que virou os dezessete cantando insistentemente "Why does it always rain on me" e entrou aos dezoito cantando "Don't look back in anger". De quando tomava chuva, sobressaltado naquelas longas quadras arborizadas da faculdade, pensava que deveria chorar um pouco e não conseguia.

Ninguém me entregou o plano de vida pronto. Não havia modelo para se espelhar. O que havia, na verdade, era um constante escorregar entre negativas e interdições. Vezenquando uma esperança fugaz, cíclica, um pequeno lampejo entre tanta coisa que não servia. É só não perder o prumo que passa. É só entender que se guarda somente o que serve que fica mais fácil seguir em frente.

Felicidade vem nesses atropelos, como o Jeneci, eu,  você,  poderíamos cantar. Até meio ridículos. Até algo desconectado da realidade, quem se importa?

Felicidade é só questão de ser, meu bem.

segunda-feira, dezembro 17, 2012

Do tempo que transforma em quase nada

Daí, estaquei.

Pelo vidro, percebi que não havia me visto e nem entrei.

E perceber que as coisas se encerram, sim, neste silêncio constrangido.


segunda-feira, dezembro 10, 2012

Noturna

Noites como esta, quando me deito, concluo que vim parar um certo ponto em que nunca imaginei que chegaria.

Como quem dorme no metrô, exausto depois de um dia especialmente difícil.

Não que isto seja, necessariamente, ruim. Pelo contrário.

Fico pensando que abrirei os olhos e me encontrarei comigo mesmo: barba mais curta, cabelo também. Abraçaríamo-nos em silenciosa compreensão.

Enquanto explicaria a desnecessariedade do sofrimento vão, afagaria-me com a palpitação de um recem-chegado.

Reencontrar-se é somente uma das formas de seguir em frente.