segunda-feira, fevereiro 28, 2011

Conjecturas

E daí vou te encontrar dia desses, talvez num outono, talvez naquele breve intervalo de tempo perto do entardecer que é quando a luz muda, certamente por acaso pois já nos desvencilhamos há tantos tempos, talvez sem rancor e sem alívio para talvez te dizer já que talvez os anos me deram este ar excessivamente mordaz: nosso amor não valeu nem a emenda de um soneto.

Nenhum comentário: