sábado, agosto 14, 2010

(12)

Do socorro que vem à cavalo, diretamente da selva de pedra:

"Você tem amor, você é doce e também está aprendendo. Penso agora que você bem que podia acreditar em santo, mãe de santo, redenção. Mas você só acredita em Caio F, né, hermano. Eu também. Fico um cadinho preocupada com você nesse mundo imenso. Penso em macunaíma, nos barulhos da floresta, nas águas fortes daí e rezo pra que você volte salvo dessa gordura estranha do mundo.

Quero te dizer que tudo vai ficar bem"

(de Maria Fernanda, mi eterna Hermana)

Nenhum comentário: