sexta-feira, novembro 10, 2006

Consideraçõs sobre o ANPOCS

Fui no trigésimo Encontro Anual do ANPOCS ( Associação Nacional de Pós Graduação em Ciências Sociais ). Encontro academicamente muito bom, diga-se de passagem. Todavia, num dos Grupos de Trabalho, GT 22( Corpo, Sexualidade e Gênero) os acadêmicos ficaram estarrecidos com a leitura de um trecho de um trabalho do pesquisador Leandro de Oliveira.
O Trabalho se chamava : Gestos que Pensam: Performances e práticas Homossexuais em Camadas Populares ( se não me engano é isso mesmo)

E o Trecho é o seguinte:

"O funk, por possibilitar uma coreografia mais claramente generificada, pareceexercer um atrativo maior sobre esses homens. Em um exemplo do modo como essascoreografias são encenadas na boate, as travestis dançam mexendo os quadris emmovimentos circulares descendentes, mãos apoiadas sobre os joelhos arqueados,projetando as nádegas para trás. Já os homens permanecem no mesmo nível de altura,executando, com a bacia, estocadas ritmadas no eixo sagital, numa simulação eestilização da cópula: braços ligeiramente erguidos, palmas pra cima, o antebraçoformando um ângulo de 90, punhos cerrados, como se segurassem uma parceiraimaginária pelos flancos."

Espero do fundo do meu coração ansiosamente pelo próximo ANPOCS.

Saudades de Caxambu!

Nenhum comentário: