terça-feira, agosto 01, 2006

O retorno

E voltei.

Trouxe comigo um pouco do sal dentro da mala e um pouco da tranquilidade dos mares. O sentimento de paz que se tem depois de muitas horas na areia da praia, observando aquele ir e vir infindável.

Trouxe um pouco de dourado na pele e, por causa disso, um pouco mais de auto-estima. E o ligeiro bronzeado nem me custou dias de pele vermelha, queixando de ai ui quando virar na cama.

Trouxe um pouco de luz para essa coisa bagunçada que virou minha vida. Fiz as pazes com muitos problemas antigos que estavam mordendo o calcanhar. Tá, talvez pazes seja uma palavra um tanto otimista, mas pelo menos acho que consegui colocar as coisas de uma forma um pouco mais favorável, conformista e resolutiva.

Trouxe lembranças de lugares maravilhosos. Outras, de lugares nem tão maravilhosos assim. Mas, no final das contas, foi na medida necessária do que eu estava precisando.

Férias temporonas. Um pouco de paz. E um retorno tranquilo, para me dar energia suficiente para atravessar o resto de 2006 sem maiores contratempos.

Nenhum comentário: