sexta-feira, março 18, 2005

Sobre o retorno...

escutando: Keane
"Everybody is changing and I don't feel the same..."

Pensei em muita coisa para se escrever nessa semana: coisas serias, outras futilidades, como Murphy vem mostrando todas as suas garras nas mais diversas atividades diarias. Mas faltou tempo, um pouco de energia. As coisas por aqui estao rather busy.

Nunca um inicio de periodo esteve tao puxado e, ao mesmo tempo, tao interessante. Estou me remoendo enquanto meu livro de Medicina Interna nao chega e gastando horrores em xerox de consensos, artigos. Na faculdade, sempre me senti conduzido por inercia - nao que o curso fosse desinteressante ou eu nao gostasse daquilo tudo - mas eu nao tinha aquela paixao que todos propagandeiam. Eu me imagino fazendo milhares de outras coisas, tenho plena consciencia de que minha vida poderia ter tomado rumos completamente diferentes e se eu prestasse vestibular hoje, com certeza Medicina nao seria a minha primeira opcao. Mas confesso que a Clinica, os pacientes, o respeito que a roupa branca impoe, sao fascinantes. Quando voce comeca a juntar os primeiros pedacos de conhecimento, eh uma sensacao indescritivel.

Nem o sentimento de get me away from here, i'm dying que eu jurava que aconteceria, bateu. As ferias e suas intemperies tambem tiveram seus louros. Enxergar as pessoas de uma forma mais cruel, mais real esta sendo um exercicio muito util e salvador. Levando a fundo a maxima de "nao esperar muito de ninguem". E rezando para as coisas boas continuarem acontecendo. De coracao aberto para qualquer surpresa inesperada, ao virar de uma esquina...

Nenhum comentário: