quarta-feira, junho 23, 2004

"The demolition still can be a lot of fun
Someone should tell me that I'm done
I feel so far away from home
Always so far away"

(Grandaddy)

Botar minhas paredes abaixo é o que mais tenho feito nesses últimos meses. Porque, se externamente não encontro caminho algum, o caminho agora aponta para dentro. Assim tenho feito, assim tenho sobrevivido.

Faço isso por motivos conscientemente desconhecidos. Mas, inconsientemente, é a minha tentativa de refazer os caminhos, de reencontrar o ponto aonde a inocência ficou para trás, quando as palavras pesaram e passaram a significar muita coisa além do que elas mereceriam ou deveriam.

Todas essas minhas tentativas se resumem num esforço em voltar a um estado anterior. Melhor. Mais brilhante e suportável.

Mas a impressão que tenho é que, apesar dos meus esforços, todas essas coisas parecem ficar cada vez mais longe...

Post conjunto com o Sete Faces

Nenhum comentário: